Área do Criador
Manejo natural se destaca em prova sustentável

Manejo natural se destaca em prova sustentável

25/08/2014



A novilha Gir Leiteiro, Samara FIV, é uma sortuda. Ela nasceu em fevereiro de 2010 nas terras do criador Rodrigo Bragança, em Aperibé, estado do Rio de Janeiro, sob a tutela do produtor que é conselheiro da ABCGIL (Associação Brasileira dos Criadores de Gir Leiteiro) e da ABCZ (Associação Brasileira dos Criadores de Zebu). O dono da Samara não tem nobreza só no sobrenome herdado desde os tempos de monarquia no Brasil, mas também no coração e no conceito de trabalho. Rodrigo Bragança rejeita manejos, modernidades e modismos que se distanciam da realidade das fazendas de gado leiteiro para buscar recordes de produção sem limites. "Eu acho que muita gente passou do ponto. O que antes era desafio para a vaca leiteira está virando desaforo. As variáveis dos processos que buscam superproduções e recordes não priorizam as condições ideais de conforto para os animais e na escala comercial o artificialismo também tem avançado muito. Eu trabalho tentando entender o gado. As vacas Gir Leiteiro tem necessidade de ficar em grupos e para elas criar o bezerro é um ato fundamental. Sou contra o uso de ocitocina e prefiro respeitar o temperamento gregário e sociável do zebu", afirma.
A Samara concordaria com tudo e testemunharia a verdade nas palavras do selecionador, mas na impossibilidade de falar, ela respondeu com desempenho, fazendo uma trajetória impressionante e apresentando os melhores números entre todas as concorrentes da 1ª Prova Nacional de Produção de Leite - Gir Leiteiro Sustentável. No evento promovido pela ABCGIL, realizado em parceria com a EPAMIG, a Embrapa e com apoio da ABCZ, que teve duração de 13 meses e a participação de 26 primíparas da raça, a novilha Samara FIV N. Destino, foi a melhor nos quesitos volume, proteína, sólidos totais e CCS, e a segunda melhor no índice para percentual de gordura.
No final do estudo, conduzido em sistema de manejo que integrou calendário sanitário, pastejo rotacionado com capim Xaraés, complemento com silagem de sorgo, concentrado e sal mineralizado, a conclusão foi de que a novilha teria remunerado a atividade em R$ 3.996,95, valor 18% maior em relação ao da segunda colocada.
"As vezes o mercado responde mais em valorização para a genética com apelos que chamam atenção da mídia e do marketing, mas eu tenho consciência de que o meu trabalho está indo bem e que a forma como eu faço na minha casa está muito próxima da maioria das fazendas de produção de leite do Brasil e dos modelos empregados em vários países da América Latina. Por isso vou continuar com esse foco. Você tem criar da forma que acredita e um dia as coisas acontecem. E a gente não vive de muito dinheiro, a gente vive de felicidade", diz Rodrigo.
Veja as marcas da primeira Grande Campeã da Prova Nacional de Produção de Leite - Gir Leiteiro Sustentável
Samara FIV N. Destino - Jaguar TE do Gavião X Natividade
Dias de lactação - 342
Produção em até 305 dias - 3.755
Produção total - 4.030
Média de gordura - 3,8%
Média de proteína - 3,8%
Média de sólidos totais - 13,5%
Média de CCS - 37 

Fonte: Site ABCZ - Texto e foto: Márcia Benevenuto



outras notícias:

07/12/2023 - AVALIAÇÃO DAS CONDIÇÕES DE REALIZAÇÃO DA 24ª EXPOSIÇÃO NACIONAL DO GIR LEITEIRO EXPOGIL 2024 PELA DI

06/11/2023 - Diretora Marketing Roberta Bertin participa de Seminário Internacional na Índia

06/10/2023 - ABCGIL lança site de ofertas para associados

28/09/2023 - Divulgação 6º Sumário de Fêmeas Gir Leiteiro e Resultado Genoma 2023


nossos parceiros




Site Oficial da Associação Brasileira dos Criadores de Gir Leiteiro
© todos os direitos reservados - ABCGIL 2015
ABCGIL - Associação Brasileira dos Criadores de Gir Leiteiro
Praça Vicentino Rodrigues da Cunha, 110
Parque Fernando Costa
38022-330 - Uberaba/MG