Área do Criador
Boas práticas de manejo de ordenha - Pré e Pós Dipping

Boas práticas de manejo de ordenha - Pré e Pós Dipping

17/10/2014



Prezados Associados,

Atualmente a desinfecção dos tetos das matrizes em lactação antes e depois da ordenha, está se tornando uma prática comum entre os rebanhos leiteiros, pois ajuda na prevenção e controle da mastite, principalmente quando se trata de mastite ambiental, onde o agente causador pode contaminar grande parte do rebanho, causando enormes prejuízos para o animal, e consequentemente para o produtor.

APLICAÇÃO DO PRÉ-DIPPING

O pré-dipping é o procedimento de desinfecção dos tetos antes da ordenha, através de uma solução contendo iodo, hipoclorito de sódio, ou clorexidin, que varia na sua concentração, de acordo com o produto e/ou marca, reduzindo ao máximo a quantidade de bactérias presentes na superfície dos tetos, através da sua ação germicida, evitando a penetração das mesmas nos quartos mamários durante as ordenhas. Esse procedimento tem como objetivo além da prevenção da mastite ambiental, também causar o estímulo da descida do leite, otimizando o processo de retirada do leite.

Mesmo em propriedade em que se utiliza bezerro para a descida do leite, é capaz de adotar esta prática. Logo após realizados os testes da caneca de fundo preto, CMT (Califórnia Mastite Teste), e colocado o bezerro para estimular a descida do leite, faz-se a desinfecção dos tetos através do pré-dipping. Após a imersão completa do teto na solução, é necessário que espere em torno de 30 segundo para que o produto aja corretamente, posteriormente secando teto por teto com papel toalha, para na sequencia colar a teteira e começar o processo de extração do leite.

PROCESSO DE EXTRAÇÃO DO LEITE

Durante a ordenha, é necessário tomarmos alguns cuidados com, segurar o conjunto de teteiras com uma das mãos de forma que as mesmas fiquem penduradas e em posição que facilite serem acopladas aos tetos, pressionar o botão do vácuo apenas quando o conjunto estiver bem posicionado, embaixo do úbere, fixando cada teteira, iniciando pelos tetos mais distantes. Retire o conjunto assim que parar a descida de leite, evitando retirá-las antes de esvaziar o úbere e, também, não deixe o conjunto fixado ao úbere após o término da descida do leite, e nunca puxe as teteiras e nem faça pressão com as mãos no conjunto de ordenha antes de cortar o vácuo. Tal procedimento poderá causar lesão no teto do animal, criando uma porta de entrada de bactérias causadoras de mastite.

APLICAÇÃO DO PÓS-DIPPING

A aplicação do pós-dipping consiste na imersão dos tetos em solução desinfetante glicerinada, que possui a finalidade de proteção, através da vedação do esfíncter do teto, impedindo o contágio dos microrganismos causadores da mastite. O pós-dipping deverá ser aplicado logo após o final da ordenha. Propriedades que soltam bezerros com a mãe logo após a ordenha, não há necessidade da realização do pós-dipping, pois o bezerro começa a procurar o leite residual que ficou no úbere, removendo a solução.

Outro fator importante nas boas práticas de manejo de ordenha é logo após a ordenha, onde uma ótima estratégia é manter a matriz de pé o mais tempo possível para que haja o fechamento total do esfíncter, através de fornecimento de água e alimento de qualidade, evitando com que o animal deite e o teto entre em contato com a terra.

Antônio Luiz de Andrade Filho
Zootecnista – ABCGIL


Foto: Banco de imagens ABCGIL


outras notícias:

07/12/2023 - AVALIAÇÃO DAS CONDIÇÕES DE REALIZAÇÃO DA 24ª EXPOSIÇÃO NACIONAL DO GIR LEITEIRO EXPOGIL 2024 PELA DI

06/11/2023 - Diretora Marketing Roberta Bertin participa de Seminário Internacional na Índia

06/10/2023 - ABCGIL lança site de ofertas para associados

28/09/2023 - Divulgação 6º Sumário de Fêmeas Gir Leiteiro e Resultado Genoma 2023


nossos parceiros




Site Oficial da Associação Brasileira dos Criadores de Gir Leiteiro
© todos os direitos reservados - ABCGIL 2015
ABCGIL - Associação Brasileira dos Criadores de Gir Leiteiro
Praça Vicentino Rodrigues da Cunha, 110
Parque Fernando Costa
38022-330 - Uberaba/MG